Aos 45 do segundo tempo

Esta é minha terceira e última gestação e desde a primeira que desejo fazer um ensaio de gestante, mas nunca rolou.

Quando estava esperando o Vivi, a grana era curta e os fotógrafos americanos cobravam uma pequena fortuna, então acabamos pedindo pra nossa amiga Gi clicar umas fotos assim de última hora. Eu já estava na reta final, com pouquíssima disposição e cara de cansada o tempo inteiro. Mas clicamos umas fotos no quintal, com a mesma roupa que eu estava cochilando no sofá quando ela chegou lá em casa. Sem maquiagem, descabelada, sem produção e especialmente, sem disposição. Só levantei do sofá e encarei os cliques porque ela insistiu 🙂

Quando esperava o Nickito, em terras australianas, as fotos, também mega improvisadas, saíram acho que dois dias antes do nascimento, ou seja, já na quadragésima primeira semana. As fotos foram clicadas no quartinho dos meninos, pela mais que já estava lá em casa havia um mês. A barriga quase não coube na foto, de tão grande. Mais uma vez, as fotos foram tiradas com a roupa que eu estava na hora, sem makeup, meio descabelada, sem produção e com ainda menos disposição, afinal, quem é que fica animada pra fotos com o peso das 41 semanas de gestação? Eu certamente não, rs

Desta vez, pensei que fosse rolar um ensaio profissional, especialmente porque tenho aqui na Coreia uma amiga fotógrafa maravilhosa que desde o início esteve super disponível, entretanto, o tempo foi passando, a pança crescendo e o “vamos combinar” foi rolando, rolando, até que disposição que ficou pequenininha bem mais cedo que nas gestações anteriores, desapareceu completamente. Na época que eu estava me sentindo melhor, era inverno, a friaca estava intensa e eu não queria arriscar uma gripe. Sem falar da poluição que este ano tem sido especial. Soma isso com aquilo e põe na conta a idade, rs, o resultado foi esse: não rolou ensaio nenhum no inverno.

Porém, como a primavera exerce um poder fenomenal sobre esta pessoa aqui, foi só as flores desabrocharem que minha energia e disposição resolveram dar o ar da graça. E foi exatamente no domingo passado, quando me programei para ver o festival das cherry blossoms que, ao checar a temperatura pensei: “ah, de jeito nenhum que vou sair de casa de calça e casaco. Vou entrar num vestido de qualquer maneira!” E enquanto eu entrava no vestido, o mesmo que usei no Reveillon de 2010/11, pensei: “quem sabe mamis consegue tirar umas fotos minhas?”

E assim foi. Aliás, foi muito melhor do que a encomenda 🙂

Mais uma vez, lá fui eu no improviso (porque se combinar não rola), sem makeup, com os cabelos até meio sujinhos, cara de cansada, olheiras, sem produção, porém com a disposição que só a primavera me proporciona. E, graças ao olhar e poder de composição da mamis, consegui finalmente, aos 45 do segundo tempo, um ensaio de grávida super digno 🙂

É importante acreditar! Quem espera sempre alcança 😉

PS. O álbum completo está no Facebook 🙂

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s