Christmas Concert do Nickito – 2017

Mais um concerto na conta!

Infelizmente, Nickito não teve destaque desta vez, o que achei injusto, já que o pequeno é super afinado e merecia uma posição de destaque ao microfone (mas tudo bem, não teve solo nenhum). Em vez disso, ficou na sombra, no cantinho mais escuro do palco, tadinho. Not fair, diria o Vivi.

Mas ele estava feliz da vida, super empolgado para cantar. Esse canta por prazer, não precisa de palco, nem público, rs. Passou o mês inteiro ensaiando as canções no colégio e em casa. Até eu decorei as letras e tô cantando até hoje, rs

P1090827

P1090838P1090840P1090842

P1090851

super cabeludo, se recusa a cortar as madeixas ^^

P1090852P1090858

P1090864

foto remida e apressada. Não deu tempo nem de ajeitar os meninos – tinha fila pra tirar foto :O|

P1090867

alguém cansado aí?

AD9gKDa1QQma96lWgEw

Ns8V6JCzQ9a6eMK0GnzJzQ

alguém precisa muito de lentes com maior alcance…

Confesso que o concerto do ano passado me emocionou mais, foi mais harmonioso. Mas esses pitoquinhos cantando juntos são tão fofos que até o fato deles desafinarem aqui e ali tem o seu encanto 🙂

Só uma coisa me causa indignação: porque as meninas podem se vestir de branco, preto, vermelho, dourado, prateado, xadrez… e os meninos todos têm que usar calça preta e camisa branca? Que coisa mais sem graça…

Anyway, agora só falta as festinhas de fim dano da turma do Nick e do Vivi e o Concerto de Natal do Vivi, tudo na semana que vem. Depois disso, hello Brazil, for one whole month! ❤


Abafa o caso, mas ainda não finalizei as compras de Natal, tampouco comecei a fazer a mala dos meninos (a minha já tá pronta).

Contagem regressiva: one week to go!

Teve bolo :)

Eu sei, eu sei, esses primeiros dias nos enta estão rendendo, né? Parece até que tô completando 20, rsrsr

Ontem, após muitos lembretes, maridinho viu que não ia ter jeito e resolveu encarar a cozinha e preparar meu bday cake. Claro que eu tive que passar a receita, né? Mas já avisei que essa seria a última vez 😛 Ano que vem quero acordar já com meu bolo pronto – com o agravante da expectativa maior, porque, agora que ganhei um bolo feito à mão (e não no liquidificador), que ficou delicioso e com cara de gourmet, não aceito nada mais simplezinho 😉

IMG_7924

IMG_7918

Os meninos não moveram uma palha para ajudar o papai  na aventura (nem o Nickito!) e, pensando bem, foi melhor assim, economizamos na sujeira pós preparo.

Ao contrário dos anos anteriores, eu não coloquei os pés na cozinha, foi tudo com ele, do princípio ao fim, então, pela primeira vez, o mérito é completamente do marido!

Q5aU%w1sQNasiqTkYMstfAfAwxhCqZQBmPw2a3MeX6BQ

Antes de encerrar oficialmente as comemorações, tenho apenas que deixar aqui registradas as mensagens que recebi dos meus três meninos 🙂

Vivisauro:

fullsizeoutput_2bf7

Nickito:

fullsizeoutput_2bf8

(atenção para o detalhe: junk food = pão, hahaha)

Marido:

Screen Shot 2017-12-04 at 11.08.42 AM

Agora acho que chega, né? Chega de falar dos quarenta. Bora vivê-los! 🙂


Em tempo: Ontem o espírito faz tudo baixou no Mauricinho e ele não apenas fez meu bolo, mas saiu para comprar uma lâmpada nova pro banheiro e, atenção, trocou a queimada pela nova! E, antes de começar a preparar o bolo, enquanto eu respondia as mensagens que recebi pelo meu aniversário, limpou o ralo da lava-louça, assou pão de queijo e trouxe pra mim, sem-eu-pedir e, de bônus, nem deixou tanta bagunça na cozinha. Sim, porque eu tava esperando aquele campo de guerra, rs

Am I lucky or what? ;P

 

Almocinho cazamiga

Para dar boas vindas aos quarentinha, teve almoço cazamiga no Root, um restaurantezinho delicioso em Hannam-dong, perto da escola dos meninos, seguido de um café/hot chocolate maravilhoso no C-Trhough, um cafe super cozy em Itaewon.

Quando eu digo que sou uma pessoa de sorte, não é sem motivo. Pode demorar um tiquinho, onde quer que eu vá, cruzo com pessoas maravilhosas, que entram na minha vida pra ficar.

Essas aí da foto são the gang. Companheiras de shopping, de cursos, de andanças, de halloween, de almoços… São pau pra toda obra, como toda amiga expatriada deveria ser, rs

O grupo é tão eclético e ainda assim se mistura tão bem… Elas são presentinhos que que a Coréia me deu. Presentinhos muito divertidos que me ajudaram no processo de abraçar e curtir a minha vida coreana. Olha a gratidão aí, minha gente! :O)

fullsizeoutput_2bc4

Fe, Jasmin, Eu, Re, Ju

fullsizeoutput_2bc0

korean style ❤

fullsizeoutput_2bbc

falei pra fazer careta e as catchoras fizeram cara fofa, rs

A Jasmin é coreana, criada em São Paulo, mas que já morou também no Paraguai, no Canadá e em Singapura. É a rainha do shopping, conhece tudo aqui, nos leva pra todo canto (apesar de odiar andar, rs), só coloca a gente nas boas.

A Ju é paulista de Itapeva, mas virou americana depois que casou. Ela é elétrica, faz mais coisas num dia do que muita gente, num mês. Vive com as rodinhas nos pés e tá sempre animada pra qualquer programação.

A Fe também é paulista, só que de Birigui (morar fora me faz conhecer mais lugares do Brasil do que se eu estivesse lá, rs). Tá sempre correndo de um lado pro outro, se dividindo entre compromissos no colégio das crianças, curso de inglês e, claro, compromissos sociais 😛

A Re é a caçulinha do grupo, brasileira criada nos EUA. É a mais comportada do grupo, um docinho de pessoa, do tipo mocinha exemplar. Mas acho que sua principal característica é ser completamente desbussolada, rs

A Erica você já conhece, né? Sou essa aqui mesmo do blog, sem tirar nem pôr.

fullsizeoutput_2bb5

foto tirada pela Ju, enquanto testava minha câmera 😛

Juntas, nós somos The Gang 😛

Passamos horas deliciosas, regadas a muitas risadas e paradas em lugares inusitados pelo caminho.

fullsizeoutput_2bbb

Celebrar a chegada dos 40 assim, cercada de gente boa, é muito fácil.


Em tempo: o dia ontem foi longo, com direito a Christmas Concert do Nickito (fotos no próximo post) e jantar no Thai. Chegamos em casa tão acabados que liberamos as crianças do banho. A quinta-feira foi puxada.