Coisas da minha vida coreana

Dia desses, fui com as crianças ao mercadinho que fica há umas quadras daqui, só que numa direção qua quase nunca vamos, uma área mais coreana raiz, onde você encontra peixe e lula secos embalados e bicho da seda enlatado (é sério!).

No caminho de volta pra casa, vinha em nossa direção, na calçada, um cara de bike, usando máscara, coisa super comum aqui, por conta da poluição. Saquei meu celular para fazer um videozinho da vida coreana como ela é, mas logo desisti, porque o cidadão não apenas desceu da bicicleta, mas tirou a máscara e como veio conversar conosco.

Ele carregava em sua cestinha uma garrafa com um líquido amarelado, que me mostrava dizendo ser E.M. – e eu, em minha profunda ignorância, não sabia do que se tratava. Às vezes parece que vivo em Marte. Perguntei o que era E.M. e ele me explicou que era bom para lavar os cabelos, tirar mau cheiro do ralo da pia da cozinha e… fazer plantas crescerem(!).

O fato é que o distinto senhor, ao me ver caminhado com meus moleques, carregando sacolas de compras, percebeu que eu morava ali e decidiu parar para me dar uma dica. Disse que os moradores de Seodaemun podem pegar E.M. de graça no centro comunitário. Basta levar uma garrafa vazia e solicitar sua solução mágica. Só que ele disse isso como se fosse realmente something big, tipo a oitava maravilha do mundo – e eu não entendi bem o porquê.

Ele, gentil que só, me ofereceu o dele, já que ele sempre passa lá mesmo. Se apresentou, dizendo que trabalhava pro governo, me passou seu cartão e partiu.

Ainda no caminho pra casa, dei uma pesquisada rápida e “descobri” que E.M., ou microorganismos eficientes é um produto criado pelos japoneses há quase 30 anos(!) e que hoje é globalmente utilizado, especialmente na agricultura, mas também substitui vários produtos de limpeza, para uma vida mais saudável, livre de produtos químicos nocivos à saúde. Por exemplo, aparentemente, você pode usá-lo para lavar roupa, limpar banheiro, tirar mofo, lavar carpetes e muito mais. Santa ignorância, viu?

Vivendo e aprendendo.

Aqui é assim, cada vez que a gente sai de casa, aprende alguma coisa nova ou presencia uma situação interessante. Naquele dia, não apenas tive mais uma amostra da gentileza coreana, como fiquei um pouco menos ignorante (ainda tô boba como nunca havia ouvido falar nisso).

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s